Voltar
IMÓVEIS

Buscando sugestões para:


Página inicial / Compra / Casa ou apartamento? Veja o que levar em consideração

Casa ou apartamento? Veja o que levar em consideração

Analise as principais diferenças, os prós e os contras de cada tipologia e veja qual delas atende melhor seu perfil e suas necessidades

  • (3.0)

Da Redação

28/08/2020 - 2 minutos de leitura


Casas não têm taxa condominial, mas apartamentos costumam oferecer mais segurança/ Foto: Getty Images

Na hora de tomar uma grande decisão, é normal que surjam dúvidas. E não é diferente na hora de escolher um imóvel. No entanto, seja casa ou apartamento, ambos possuem as suas vantagens e desvantagens, já que contemplam características distintas.

Leia mais:
Acorda! Sua casa está ligando!
Meus vizinhos estão me espionando?
Como funciona o programa Vizinhança Solidária?

Escolher uma propriedade é uma questão totalmente pessoal, tendo em vista que não há resposta certa. Neste caso, o que funciona para uma pessoa pode ser um impeditivo para outra. Para ajudar a esclarecer essa dúvida confira abaixo as três principais vantagens de cada formato:

Casa

Mais espaço – A área é uma das principais vantagens de quem opta por residir em uma casa, principalmente pela área externa, como quintal ou jardim, que são importantes para pessoas que convivem com animais de estimação, crianças ou que têm um grande apreço por plantas. Outra questão são os itens de lazer, que são totalmente privativos, como piscina, churrasqueira e demais áreas de convívio;

Sem taxa de condomínio – Ao optar por uma casa de rua, o morador não tem a obrigação de pagar a taxa de condomínio mensalmente. Mesmo que a ela necessite de manutenção, o proprietário pode definir as suas prioridades e escolher os materiais e serviços de sua preferência. Vale salientar que existem muitas casas em condomínios. Neste caso há a taxa mensal, destinada a questões que vão desde a manutenção até os gastos com funcionários;

Mais liberdade – Essa é uma questão que deve ser ponderada na hora de escolher entre um e outro. Ao optar pela casa, os moradores decidem todas as regras, desde o horário de uma festa até quem irá utilizar a vaga na garagem. O espaço compartilhado com os vizinhos é menor em comparação com um apartamento – que pode ter vizinhos ao lado, acima e abaixo. Ou seja, mais privacidade em relação aos barulhos do cotidiano.

Assine nossa newsletter e receba por e-mail as principais notícias e dicas.
Fique tranquilo, não enviamos SPAM.
Quero me cadastrar para receber informações relevantes por e-mail. Fique tranquilo, não fazemos SPAM.

Apartamento

Mais segurança – A vulnerabilidade de uma casa é o que tem levado muitas pessoas a escolherem um apartamento, que, normalmente, conta com um sistema de monitoramento com câmeras e uma portaria para controle de acesso. A segurança ainda se estende a itens como hidrantes, extintores, rotas de fuga, dentre outras questões;

Economia diária – Por mais que um edifício necessite de uma taxa mensal de condomínio, esta é revertida em benfeitorias que promovem uma economia no dia a dia, já que muitos locais contam com itens de

lazer como parquinho, piscina, academia, dentre outros. A economia de tempo também é algo a ser considerado, já que as decisões relativas à manutenção, empresas contratadas, cotação e demais responsabilidades são atribuídas à administração;

Localização – O poder de compra das incorporadoras e construtoras faz com que, nos grandes centros urbanos, os edifícios estejam em uma localização privilegiada, com facilidades referentes aos demais aparatos da cidade, que vão desde mercados, hospitais e comércios, até vias de acesso e transporte público.

Além das vantagens listadas, seja casa ou apartamento, ambos também tem suas desvantagens, sejam regras mais rígidas de um condomínio, barulho dos vizinhos ou compartilhamento das áreas comuns.

AVALIAR ESSE ARTIGO
Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login


Notícias relacionadas