Aluguel

5 dicas para atrair inquilinos para alugar um imóvel

Em busca de rentabilidade, proprietários investem em melhorias para destacar o bem

Por: Redação, Estadão Imóveis 09/04/2024 3 minutos de leitura
locacao-residencial-mercado-imobiliario
Divulgação, precificação e pequenas reformas são diferenciais na hora de disponibilizar um bem para locação/ Crédito: Freedomz/AdobeStock

Publicidade

Nos últimos 12 meses, o preço de aluguel registrou uma valorização de 15,85%, de acordo com o Índice FipeZAP de Locação Residencial, divulgado pelo DataZAP. O bom momento do setor atrai proprietários de imóveis e investidores de olho na potencial rentabilidade da locação. No entanto, não basta o mercado estar favorável, é preciso apresentar diferenciais para se destacar. 

+ Por que Barueri tem o aluguel mais caro do Brasil?

É importante saber como divulgar um imóvel, prepará-lo para atrair inquilinos e calcular os gastos corretamente para cobrar um valor justo. Pensando nisso, o Estadão Imóveis ouviu especialistas em locação residencial e preparou uma lista com 5 dicas práticas para proprietários conquistarem bons inquilinos. Confira:

Reparos e reformas

Realizar pequenos reparos e reformas no imóvel vai torná-lo mais atrativo. Pintar as paredes, trocar as tomadas ou mesmo uma limpeza bem feita no apartamento, por exemplo, já podem fazer a diferença. Rafael Marti, Gerente de Operações do QuintoAndar, lembra que, por conta das ondas de calor, o ar condicionado subiu para o topo das buscas de quem quer um novo lar. 

Publicidade

“Se você realizou reformas recentes, destaque essas atualizações na descrição do anúncio. Além de trazer maior visibilidade, mostre também que esses ajustes contribuem para a qualidade de vida do inquilino”, sugere. “Na Plataforma do QuintoAndar, o filtro relacionado a imóveis ‘Novos Ou Reformados’ se destaca como o mais utilizado nas principais capitais do Brasil”, justifica. 

+ House Flipping: investidores compram imóveis para reformar e lucrar na venda

Precifique o imóvel corretamente

O valor dos imóveis está em alta, mas isso não é pretexto para exagerar no preço cobrado no aluguel. Portanto, é fundamental acompanhar as movimentações do mercado, comparar o seu imóvel com outras habitações do mesmo tamanho e na mesma região e entender as condições do mercado para chegar a um valor justo para ambos. 

“Em um estudo realizado em 2023, observamos que imóveis com o preço acima do mercado demoram 16% mais para alugar”, pontua Rafael. “Por isso, é importante alinhar o valor da propriedade às condições do mercado”, adiciona. 

Publicidade

Divulgação eficiente

Busque plataformas com grande reputação e índice de confiabilidade para divulgar o anúncio do seu imóvel, assim você aumenta a visibilidade, cria mais interesse e gera uma segurança maior para o inquilino. Neste anúncio, inclua dados como número de dormitórios, banheiros, metragem e, principalmente, os diferenciais do bem. 

“O anúncio é a vitrine da propriedade. É importante aproveitar a oportunidade para destacar elementos que a torne única”, explica Rafael. Ele recomenda adicionar imagens para ilustrar este material de divulgação. “Tirar fotos que tornam um imóvel atrativo é de fato um desafio, mas que compensa quando se olha na diferença da liquidez que um bom anúncio geral”.

Planeje bem a visita

Procure causar uma boa primeira impressão quando o potencial inquilino for visitar o imóvel. Seja honesto nas qualidades e problemas do bem, saiba tirar as dúvidas dele e entregue uma ótima experiência. Oferecer um “cafézinho” e apresentar a casa limpa já podem fazer a diferença. 

“Importante destacar que a visita não é apenas sobre o imóvel em si, mas sobre a realização de um sonho ao encontrar um lar que atenda às necessidades do futuro inquilino”, afirma Rafael. 

Publicidade

Cuide do imóvel de perto

Para aumentar a rentabilidade da locação, é importante acompanhar o imóvel de perto. Marcelo Hannud, CEO da Aurea Finvest, recomenda que o proprietário esteja atento à situação do condomínio. “Algumas decisões podem impactar na valorização ou desvalorização do imóvel, como a criação de um novo espaço ou a aprovação de gastos extras”, exemplifica.

+ Como ganhar renda extra com aluguel de ações que pagam dividendos?

“Se perceber que não tem mais tempo para se dedicar ao imóvel, é hora de pensar na opção da venda”, sugere. Porém, ele defende que o proprietário deve pensar neste momento com parcimônia. “É preciso entender se a maior valorização do ativo já aconteceu e se os preços chegaram a uma estabilidade.

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Confira nossas

WEBSTORIES

Notícias relacionadas

Imagem destacada

Sonho da casa própria fica mais próximo com taxa que acompanha a poupança

3 minutos de leitura
Imagem destacada

Como as parcerias público-privadas afetam os investidores?

2 minutos de leitura
Imagem destacada

Quais são as faixas do Minha Casa Minha Vida em 2020?

3 minutos de leitura
Imagem destacada

O que fazer se o seu imóvel financiado for afetado por uma enchente?

1 minuto de leitura