Notícias

Startup Arquiteto de Bolso recebe aporte de R$ 15 milhões para desenvolver novos produtos

Investimento é liderado por fundo de venture capital oriundo de parceria entre XP Investimentos e a gestora Headline

Por:Breno Damascena 26/03/2024 1 minuto de leitura
arquiteto-de-bolso-aporte
Gabriel Alves (à esq.) e Romero Rodrigues, da Headline, e Daniel Alves e Marcia Monteiro, do Arquiteto de Bolso/ Crédito: Divulgação

Publicidade

O Arquiteto de Bolso, startup de design de interiores, recebeu um aporte de R$ 15 milhões do fundo de Venture Capital Headline XP, fruto de parceria entre a XP Investimentos e a gestora global Headline. Fundada em 2016, a startup conecta os usuários com arquitetos e design de interiores para desenvolverem projetos rápidos de decoração e reforma para ambientes domésticos.

A partir de fotos, medidas e aspirações do cliente, o aplicativo se propõe a entregar uma consultoria e uma planta baixa em 2D com perspectivas 3D, além de uma lista de compras para transformar este plano em realidade. “Considerando que viver bem é um direito de todos, sempre fomos inconformados com um mundo onde a ajuda profissional era entendida como serviço de luxo”, argumenta Daniel Alves, Chief Operating Officer (COO) da startup.

+ Para quem servem os investimentos alternativos?

Atualmente, o Arquiteto de Bolso é capaz de desenvolver soluções para um ambiente de até 20 m², com todas as etapas realizadas de forma online e em tempo real. Criada pelo designer de interiores Daniel Alves e pela arquiteta Marcia Monteiro, a startup participou da criação de mais de 60 mil projetos de ambientes em 12 países e coleciona diversos prêmios. 

Publicidade

“Tudo o que colocamos dentro de ambientes construídos impacta nossa performance. Por exemplo, a lâmpada que você escolhe para o seu quarto pode ser responsável pela qualidade do seu sono”, ilustra Daniel. “Considerando que mais de 90% das reformas no Brasil não possuem acompanhamento profissional, estamos perdendo potencial humano”, acredita.

Segundo os fundadores, o dinheiro recebido será aplicado na ampliação do número de atendimentos, na atração de talentos e no desenvolvimento de novos produtos. A expectativa é que ainda no primeiro semestre de 2024, novos recursos sejam adicionados à plataforma. Entre eles, a localização dos materiais do mobiliário e dos serviços especificados pelo profissional contratado. 

+ O que esperar do mercado imobiliário de luxo em 2024?

Outra novidade antecipada é que construtoras e imobiliárias possam utilizar a plataforma para demonstrar a potenciais compradores como os imóveis podem ser alterados para atender a expectativa do comprador. Com este novo aporte, a companhia soma R$ 20 milhões em investimentos recebidos, incluindo nomes como Bossa Invest, Gv Angels, Grupo Primo e Joel Jota.

Publicidade

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Notícias relacionadas

Imagem destacada

Caminhos para dinamizar a oferta de habitação de interesse social no Estado de São Paulo

3 minutos de leitura
Imagem destacada

IGP-M desacelera para 0,66% em agosto, mas alta acumulada em 12 meses ainda supera 30%

1 minuto de leitura
Imagem destacada

Quarentena: é hora de adotar um cachorrinho?

6 minutos de leitura
Imagem destacada

Quanto custaria a casa do BBB nos bairros mais caros do RJ?

4 minutos de leitura