Voltar
IMÓVEIS

Buscando sugestões para:


Página inicial / Notícias / Cuidados para aumentar a vida útil do chuveiro

Cuidados para aumentar a vida útil do chuveiro

Limpeza, compatibilidade e banho quente podem influenciar no desempenho do equipamento


Da Redação

29/01/2021 - 2 minutos de leitura


Na hora da compra, verifique se o produto desejado é compatível com a fiação existente e capacidade dos disjuntores/ Foto: Getty Images
Assine nossa newsletter e receba por e-mail as principais notícias e dicas.
Fique tranquilo, não enviamos SPAM.
Quero me cadastrar para receber informações relevantes por e-mail. Fique tranquilo, não fazemos SPAM.

A hora do banho pode fazer parte dos pequenos prazeres da vida. É um ótimo momento para esquecer todo o estresse e preocupações do dia. No entanto, tudo isso pode ir por água abaixo se o chuveiro estiver com baixa pressão ou com gotejo. Para que isso não aconteça, alguns cuidados devem ser levados em conta.


“Existem algumas atitudes que se deve ter com o chuveiro. Desde a escolha do dispositivo até a limpeza periódica podem influenciar na vida útil do aparelho. Na hora da compra, verifique se o produto desejado é compatível com a fiação existente e capacidade dos disjuntores. Outro ponto de atenção é verificar a pressão de água no local que será instalado”, explica André Amado, gerente da rede de prestadores da Allianz Assistance, empresa de assistência 24 horas.

Limpeza

Com o passar do tempo, os pequenos dutos podem ficar bloqueados com sujeiras e o fluxo de água pode diminuir. “O primeiro sinal de entupimento é a diminuição da força e a mudança de direção do jato. Nesse caso, é necessário abrir o chuveiro e limpar com uma escova de dentes ou uma escova própria para unhas”, explica o especialista.

Outra maneira de se livrar do acúmulo de resíduos devido às impurezas presentes na água é realizando a higienização do equipamento com produtos facilmente encontrados em qualquer supermercado: basta preparar uma solução feita com vinagre e água.

Em um saco plástico, misture as duas substâncias e, em seguida, amarre a saída de água do chuveiro de modo que essa solução entre em contato direto com o metal. Em seguida, deixe a mistura agir por cerca de 20 minutos e, após esse tempo, retire o plástico e acione o chuveiro por dois minutos para que a água corrente limpe o que sobrou de resíduos.

O mercado dispõe de vários produtos específicos para a limpeza de peças do banheiro, mas essa fusão caseira é capaz de retirar a maior parte dos resíduos. Importante: nunca passe soluções abrasivas nos metais, pois corroem a superfície do equipamento e danificam a peça. Cuidados simples do dia a dia fazem toda a diferença e são capazes de aumentar significativamente a vida útil das duchas, evitando a troca de peças antes do tempo.

Vale ressaltar que a mangueira também merece uma atenção especial: se tiver uma dobra ou torção, pode acabar impedindo o fluxo comum. Outra atitude simples é evitar que diversos eletrodomésticos estejam conectados ao mesmo circuito elétrico. “Se todos estiverem operando ao mesmo tempo, pode prejudicar o desempenho do aparelho. Além disso, evite ligar juntos equipamentos que exigem o abastecimento de água, como a máquina de lavar-louças. Isso pode reduzir o fluxo que chega ao banheiro”, ressalta André.

Uma dúvida comum que pode comprometer o funcionamento do produto e gerar outros problemas mais graves é sobre a mudança de temperatura. “Para chuveiros convencionais, sempre feche o registro. Apenas no chuveiro eletrônico o ajuste pode ser feito em funcionamento. Mas o ideal é não tomar banhos muito quentes. Além de ser prejudicial para a pele, a água muito quente exige uma potência alta, que pode sobrecarregar e danificar a resistência.”

AVALIAR ESSE ARTIGO
Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login


Notícias relacionadas