Notícias

Maceió é a capital onde o preço do imóvel mais subiu em 2023. Veja lista

Cidade registrou valorização de 15,44% nos 11 primeiros meses do ano

Por: Redação, Estadão Imóveis 07/12/2023 2 minutos de leitura
maceio-valorizacao-imoveis
Preço médio do metro quadrado na cidade está avaliado em R$ 8.200/ Crédito: Getty Images

Publicidade

De janeiro a novembro deste ano, o preço do imóvel em Maceió ficou 15,44% mais caro. É a capital com maior valorização em 2023, de acordo com o Índice FipeZAP de Venda Residencial, realizado pelo DataZAP+. Na variação dos últimos 12 meses, a alta é ainda maior (16,92%). Entre as capitais, a segunda maior valorização é observada em Goiânia, com uma variação positiva de 13,11%. 

CidadeEstadoVariação NovembroVariação em 2023Preço médio/m²
São PauloSP0,32%4,53%R$ 10.659,00
Rio de JaneiroRJ0,12%1,48%R$ 9.994,00
Belo HorizonteMG0,58%7,93%R$ 8.245,00
BrasíliaDF0,31%1,89%R$ 8.954,00
SalvadorBA-0,20%6,12%R$ 5.874,00
FortalezaCE0,24%5,25%R$ 7.160,00
RecifePE0,39%4,32%R$ 7.537,00
Porto AlegreRS0,06%1,95%R$ 6.666,00
CuritibaPR0,63%5,90%R$ 9.050,00
FlorianópolisSC0,83%11,87%R$ 10.746,00
VitóriaES0,26%1,93%R$ 10.889,00
GoiâniaGO1,46%13,11%R$ 6.989,00
João PessoaPB1,11%8,89%R$ 5.882,00
Campo GrandeMS2,02%12,46%R$ 5.877,00
MaceióAL1,18%15,44%R$ 8.200,00
ManausAM1,38%9,60%R$ 6.408,00
Fonte: Índice FipeZAP de Venda Residencial

Apesar disso, a capital de Alagoas, cujo metro quadrado atualmente está avaliado em R$ 8.200, não é a cidade com maior valorização no ano. Este título fica com São José (SC), localizada nas redondezas de Florianópolis (SC). Nos 11 primeiros meses de 2023, o município registrou uma valorização de 18,20% e chega a dezembro com o metro quadrado avaliado em R$ 7.030.

CidadeEstadoVariação NovembroVariação em 2023Preço médio/m²
BarueriSP0,72%8,39%R$ 9.398,00
CampinasSP0,47%8,13%R$ 6.156,00
DiademaSP0,61%4,98%R$ 6.159,00
GuarujáSP1,18%7,24%R$ 6.041,00
GuarulhosSP0,49%7,07%R$ 6.113,00
OsascoSP0,69%7,87%R$ 7.258,00
Praia GrandeSP1,01%9,93%R$ 5.574,00
Ribeirão PretoSP0,24%3,73%R$ 4.531,00
Santo AndréSP0,49%5,92%R$ 6.777,00
SantosSP1,02%9,28%R$ 6.447,00
São Bernardo do CampoSP0,68%6,19%R$ 5.958,00
São Caetano do SulSP0,45%5,80%R$ 7.795,00
São José do Rio PretoSP1,33%3,01%R$ 4.933,00
São José dos CamposSP0,01%9,51%R$ 7.358,00
São VicenteSP-0,19%1,57%R$ 4.229,00
BetimMG1,69%8,08%R$ 3.828,00
ContagemMG1,63%9,32%R$ 4.786,00
LondrinaPR0,29%6,61%R$ 4.653,00
São José dos PinhaisPR1,31%10,16%R$ 4.728,00
CanoasRS-0,03%3,24%R$ 5.033,00
Caxias do SulRS0,45%4,31%R$ 5.073,00
Novo HamburgoRS0,22%4,43%R$ 4.698,00
PelotasRS-0,81%0,76%R$ 4.151,00
Santa MariaRS0,27%0,50%R$ 4.839,00
São LeopoldoRS0,41%1,69%R$ 4.405,00
NiteróiRJ0,12%2,74%R$ 6.927,00
Balneário CamboriúSC0,42%10,39%R$ 12.575,00
BlumenauSC0,37%10,30%R$ 6.036,00
ItajaíSC0,30%13,04%R$ 10.462,00
ItapemaSC2,06%17,55%R$ 12.292,00
JoinvilleSC0,68%10,29%R$ 6.506,00
São JoséSC0,93%18,20%R$ 7.030,00
Vila VelhaES1,48%10,99%R$ 8.140,00
Jaboatão dos GuararapesPE-0,14%4,36%R$ 5.194,00
Fonte: Índice FipeZAP de Venda Residencial

Ao todo, o balanço parcial de 2023 do Índice FipeZAP indica uma alta de 4,82% no valor do imóvel no Brasil. A porcentagem supera a variação registrada pelo IGP-M/FGV no ano (-3,89%) e a prévia de novembro do IPCA/IBGE* (+4,09%). O Índice avalia 50 localidades em todo o território nacional. 

Bairros mais caros

Os bairros mais caros de Maceió possuem um metro quadrado bem mais caro que o valor médio (R$ 8.200) da região. Para comprar um imóvel em Pajuçara, distrito mais valorizado da capital de Alagoas, é necessário desembolsar em média R$ 9.652 por m², por exemplo. 

Publicidade

BairroPreço médio do m² em novembroVariação em
12 meses
PajuçaraR$ 9.652,0012,1%
JatiúcaR$ 9.223,0021,0%
Ponta VerdeR$ 9.154,0017,7%
JacarecicaR$ 8.757,000,6%
MangabeirasR$ 7.479,009,0%
Cruz Das AlmasR$ 7.453,004,1%
PoçoR$ 7.153,0017,5%
Gruta De LourdesR$ 6.009,0030,6%
Barro DuroR$ 5.826,0015,7%
SerrariaR$ 3.933,0025,3%
Fonte: Índice FipeZAP de Venda Residencial

Em Florianópolis, capital com o m² mais caro do País (R$ 10.746), o bairro Agronômica ostenta o título de bairro mais caro da cidade (R$ 13.019). 

BairroPreço médio do m² em novembroVariação em
12 meses
AgronômicaR$ 13.019,000,1%
CentroR$ 11.438,0011,9%
TrindadeR$ 11.108,0020,6%
ItacorubiR$ 11.066,0013,6%
Córrego GrandeR$ 10.900,008,9%
Saco Dos LimõesR$ 9.697,0019,4%
EstreitoR$ 8.898,009,5%
CoqueirosR$ 8.646,009,9%
Ingleses Do Rio VermelhoR$ 8.413,0021,3%
CapoeirasR$ 7.087,0017,6%
Fonte: Índice FipeZAP de Venda Residencial

Na segunda capital mais cara do País, São Paulo (R$ 10.659), o bairro de Itaim Bibi tem o metro quadrado avaliado em R$ 17.105. Logo atrás, aparece Pinheiros (R$ 16.331) e Jardins (R$ 14.910). 

BairroPreço médio do m² em novembroVariação em
12 meses
Itaim BibiR$ 17.105,008,1%
PinheirosR$ 16.331,007,0%
JardinsR$ 14.910,005,6%
MoemaR$ 14.415,005,7%
Vila MarianaR$ 13.166,007,2%
ParaisoR$ 12.188,004,4%
PerdizesR$ 11.758,004,0%
Bela VistaR$ 11.185,005,4%
SantanaR$ 8.107,003,2%
Vila AndradeR$ 7.537,004,8%
Fonte: Índice FipeZAP de Venda Residencial

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Confira nossas

WEBSTORIES

Notícias relacionadas

Imagem destacada

O que o mercado imobiliário pode aprender com Oprah Winfrey

2 minutos de leitura
Imagem destacada

Síndicos devem estar atentos à lei que torna crime perseguir ou invadir a privacidade

2 minutos de leitura
Imagem destacada

Guia passo a passo de como declarar imóveis no Imposto de Renda em 2023

13 minutos de leitura
Imagem destacada

Descubra 5 castelos e palácios da Rainha Elizabeth II

2 minutos de leitura