Notícias

Construtora WTorre cobra na Justiça R$ 100 milhões de filho do fundador da empresa

A defesa da empreiteira os acusa de descumprir um contrato de mútuo celebrado naquele ano no qual teriam assumido o compromisso de restituir os valores

Por: Gustavo Côrtes, O Estado de S. Paulo 29/11/2022 0 minutos de leitura
walter-torre-wtorre
Walter Torre, fundador da construtora WTorre, no Allianz Parque, em 2017. Crédito: Gabriela Biló/ESTADÃO CONTEÚDO

Publicidade

A construtora WTorre cobra na Justiça mais de R$ 100 milhões da empresa que Paulo Torre, filho de seu fundador, Walter Torre, morto em 2020, abriu com Bruno Setúbal, herdeiro do Itaú Unibanco. A construtora alega que houve o descumprimento de um contrato firmado em 2012.

Além dos herdeiros de duas das maiores fortunas do País, Dante Cobucci integrava o quadro societário da incorporadora Vértico II, criada para construir shoppings no interior de São Paulo.

Sem liquidez, eles recorreram, em 2012, à WTorre para obter capital inicial e, em contrapartida, cederam 70% das ações do empreendimento, que fracassou.

Agora, a defesa da empreiteira os acusa de descumprir um contrato de mútuo celebrado naquele ano no qual teriam assumido o compromisso de restituir os valores. Segundo os advogados Walfrido Warde, José Luiz Bayeux, Guilherme Ferreira Coelho, Felipe Emmanuel de Figueiredo e Marco Bardelli, a Vértico II “simplesmente desapareceu e não quitou, jamais, o mútuo que lhe fora concedido”.

Publicidade

Esse conteúdo foi publicado em:
https://www.estadao.com.br/politica/coluna-do-estadao/construtora-cobra-na-justica-r-100-milhoes-de-filho-do-fundador-da-empresa/

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Confira nossas

WEBSTORIES

Notícias relacionadas

Imagem destacada

Como será o mercado imobiliário em 2034? Especialistas respondem

10 minutos de leitura
Imagem destacada

Como é calculado o reajuste do seu aluguel?

3 minutos de leitura
Imagem destacada

Como comprar imóvel na Itália?

3 minutos de leitura
Imagem destacada

Mitos e verdades sobre comprar imóveis novos em 2020

2 minutos de leitura