Indicadores Estadão Imóveis
FIPEZAP: 
0.43%
ICON: 
0.45%
IGP-M: 
-0.64%
INCC: 
0.51%
IPCA: 
1.14%
PMI: 
23.0%
IMÓVEIS

Buscando sugestões para:


Página inicial / Notícias / Como preservar os móveis e eletrodomésticos por mais tempo

Como preservar os móveis e eletrodomésticos por mais tempo

Ferragens têm grande importância na conservação das mobílias. E atenção com a umidade e maresias


Da Redação

12/03/2021 - 3 minutos de leitura


A limpeza é fundamental para conservar o preservar o equipamento. Desligue o aparelho da tomada e limpe com pano úmido/ Foto: iStock
São Paulo sedia Urban Future:...

03/11/2021 20:00 até 03/11/2021 23:00


Assine nossa newsletter e receba por e-mail as principais notícias e dicas.
Fique tranquilo, não enviamos SPAM.

Repaginar a casa envolve muitas vezes a compra de novos móveis e eletrodomésticos. E quando vamos pesquisar as opções, geralmente levamos em consideração apenas o tamanho, a cor e a aparência. No entanto, devemos prestar atenção também nos componentes e estrutura dos produtos.

O diretor da rede Flaviense GMAD, Flávio Aurélio, ressalta que dar a devida atenção às ferragens é importante, pois elas são responsáveis por fazer o mobiliário funcionar corretamente. “Quem nunca teve que balançar uma gaveta para tentar fechá-la, por causa de mecanismo ruim? Ou pior, acidentes envolvendo crianças que abriram a gaveta e ela despencou? Um móvel bem feito deve ter ferragens de qualidade para garantir a vida útil do produto e a segurança das pessoas”, alerta Flávio.

Aurélio sugere que, para quem vai encomendar um mobiliário sob medida, é válido conhecer os tipos de maquinário envolvidos na confecção para entender suas aplicações. “Os componentes são divididos em dois segmentos: os técnicos, que são os articuladores, as corrediças, as dobradiças, as buchas, as fechaduras e os fechos para móveis, além dos sistemas de porta de correr; e as ferragens decorativas. Neste último caso, consideramos os puxadores, os rodízios, os aramados, os organizadores, os pés e os pontos de iluminação”, explica o profissional.

Mais dicas

  • Não basta o móvel ser bonito; ele precisa ser funcional e seguro. Por isso, é fundamental investir em peças de qualidade. Nem sempre a ferragem mais cara é a melhor e a mais barata, normalmente, não é a escolha ideal.
  • A ferragem correta é a mais adequada ao seu projeto. Por isso, consulte o seu marceneiro para ter orientação.
  • Em regiões de praia, litoral ou com alta umidade, use ferragens em aço inox para ter mais durabilidade.

Eletrodomésticos

Os eletrodomésticos são itens fundamentais para a vida moderna. É praticamente impossível ficar sem usá-los. Quem não precisa de um micro-ondas? Uma máquina de lavar roupa? E até mesmo a televisão para ver aquela série bacana? Por isso, eles também merecem cuidados, tais como:

  • Evite calor na geladeira. Não coloque alimentos quentes para gelar. Se for transportar o refrigerador, que seja em pé e depois disso, deixe ao menos duas horas sem ligar.
  • Para limpar o micro-ondas, desligue o aparelho da tomada e limpe com pano úmido. Para tirar gordura, aqueça um copo d’água com duas rodelas de limão por três minutos, o vapor amolece a gordura e facilita a limpeza.
  • No caso do fogão, após a utilização, a tampa de vidro deve permanecer aberta. Limpe constantemente para evitar o acúmulo de gordura nas bocas e no forno. Faça manutenção das saídas e entrada de gás periodicamente.
  • Para a máquina de lavar roupas, não ultrapasse o limite de capacidade de peso. Tire a máquina da tomada e higienize com água e sabão neutro a cada dois meses.

Umidade e maresias

A umidade que vem do mar e dos ventos com a maresia danificam, principalmente os produtos que são fabricados em metal e alumínio, e deixam bastante sujo todo o resto. Para cuidar dos móveis, a dica é limpar sempre as superfícies para retirar os resíduos de sal. A aplicação de óleo de peroba e lustra-móveis com frequência também é eficaz. Janelas e portões devem ter pinturas mais resistentes e revestimento antioxidante. Já os eletrodomésticos e eletrônicos, vale mantê-los fechados e em capas protetoras quando não estiver usando.

AVALIAR ESSE ARTIGO
Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login


Notícias relacionadas