Voltar
IMÓVEIS

Buscando sugestões para:


Página inicial / Investir em Imóveis / Como preparar um imóvel para a venda?

Como preparar um imóvel para a venda?

Antes de ofertar a unidade, aposte nos reparos e em bons materiais de anúncio para atrair potenciais interessados

  • (5.0)

Da Redação

07/08/2020 - 4 minutos de leitura


São vários os elementos que fazem um anúncio se destacar: preço, descrição precisa do imóvel e fotos/ Foto: Getty Images

Como todo produto, o imóvel à venda precisa chamar a atenção desde o anúncio para atrair possíveis compradores mais rápido. Valor e localização são fatores fundamentais, mas a apresentação da residência é importante para causar boa impressão, que deve ser mantida durante a etapa de visitação. Mas como deixar a residência atrativa sem gastar muito? Siga as dicas!

Leia mais:
Investir em imóveis para alugar é um bom negócio?
“Atual cenário econômico provoca grande entusiasmo na construção civil”
Comprar kitnets para alugar é um bom negócio?

Anúncio bem feito

Atualmente a busca por um imóvel é digital. Segundo Juliana Clemente, diretora de operações do ZAP Home, startup de compra, reforma e venda de imóveis do Grupo ZAP, 7 em cada 10 pessoas que estão buscando uma moradia passam pelos sites do grupo.

São vários os elementos que fazem um anúncio se destacar: preço, informações completas e corretas, descrição precisa do imóvel, lista de vantagens, etc. “Mas, sem dúvida, um dos elementos que mais funcionam para chamar atenção são as imagens. Fotos profissionais, com boa iluminação, que enquadram o ângulo certo e destacam o potencial da unidade são um enorme diferencial”, explica Juliana.

Além disso, de acordo com a diretora de operações do ZAP Home, é preciso dedicar tempo à limpeza, organização e conservação. “Faça uma manutenção preventiva em torneiras, lâmpadas e esquadrias para que tudo esteja em bom funcionamento e não passe a impressão de que a residência precise de grandes reparos. Conserte algum revestimento quebrado ou uma pintura descascada.”

Reformas estruturais?

Quando se trata de reformas ou benfeitorias, é importante colocar na balança se o investimento realmente fará a diferença no fechamento do negócio. Mexer na estrutura hidráulica e elétrica do bem, especialmente se ele for mais antigo, pode implicar em reparos maiores, longos e caros.

O mesmo vale para investimentos em decoração e iluminação. Não adianta fazer para valorizar o bem e correr o risco de torná-lo pessoal. Nem todo mundo tem os mesmos gostos que os seus e isso pode afastar interessados em fechar a compra.

Outro reparo rápido que cabe no bolso e faz toda a diferença é a pintura.

Assine nossa newsletter e receba por e-mail as principais notícias e dicas.
Fique tranquilo, não enviamos SPAM.
Quero me cadastrar para receber informações relevantes por e-mail. Fique tranquilo, não fazemos SPAM.

Principalmente se as paredes estiverem sujas pelo tempo de utilização. Aproveite o momento para apagar cores mais fortes e nivelar relevos das paredes, por exemplo. Elas devem ficar lisas e pintadas de cores neutras. Isso amplia os cômodos e aumenta as chances de agradar.

Tornar o imóvel impessoal

Por falar em agradar, se houver moradores no imóvel, a dica é guardar o máximo de pertences, principalmente itens muito pessoais, como porta-retratos de família, objetos de time de futebol, indicadores de religião e de inclinação política. A compra de um patrimônio é algo afetivo e os interessados podem realmente desistir do negócio ao se depararem com ornamentos que não estão de acordo com suas convicções.

Avalie também a mobília. Se tiver muitos móveis, reduza a quantidade para facilitar a visualização dos espaços e gerar a sensação de amplitude. Você pode guardar os excedentes em um depósito alugado, casa de amigos ou parentes ou já ir levando para seu novo endereço, caso possua um.

Procure manter tudo limpo e organizado

Manter o ambiente sempre limpo e organizado também é importante para receber as visitas e não correr o risco de espantá-las. Esse cuidado deve começar desde a fachada e quintal da casa. Se for colocar o imóvel à venda com armários, gabinetes e guarda-roupas embutidos, organize seus pertences dentro deles. Isso porque o potencial comprador pode querer abri-los para visualizar melhor os compartimentos.

“Para que o interessado se sinta confortável, sempre é bom aguçar os cinco sentidos: uma vela aromática para deixar o ambiente com cheiro agradável, uma janela aberta com vista do lugar, destaque para algum revestimento ou objeto que tenha textura agradável e até mesmo aquele cafezinho quentinho nunca é demais”, recomenda a diretora de operações do ZAP Home.

Vendido!

Atendo a todas essas premissas, o engenheiro químico de 46 anos, Daniel Silva Lattuda, vendeu em 15 dias sua casa em condomínio fechado, localizada na cidade de Jundiaí (SP). O patrimônio tem 440 metros quadrados (m²) e 1.040 m² de área total. “Contatei pelo menos 10 imobiliárias da região de Jundiaí para divulgar a unidade nos sites e redes sociais das próprias imobiliárias”, comenta ele.

A negociação ocorreu em maio deste ano pela Remax. “A rapidez se deu pelo anúncio bem elaborado, pela qualidade das fotos, conservação da propriedade, mas principalmente pela habilidade de negociação da agente imobiliária. Ela conhecia o potencial do meu imóvel, o que o comprador buscava e os detalhes burocráticos. Não foi uma transação muito fácil, mas ela conduziu muito rápido todo o processo”, afirma Daniel.

AVALIAR ESSE ARTIGO
Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login

  • Antônio Carlos Malafaia Ferreira
    15/09/2020

    Conteúdo relevante para corretores de imóveis!


  • Notícias relacionadas