Compra

Interior de São Paulo e Baixada Santista registram queda em lançamento de imóveis

Levantamento de 2022 indica decréscimo, também, em número de unidades vendidas

Por: Redação, Estadão Imóveis 09/06/2023 1 minuto de leitura
baixada-santista-lancamentos-de-imoveis
No quarto semestre de 2022, o ticket médio de um imóvel na Baixada Santista custava R$ 216.590/ Crédito: Getty Images

Publicidade

O número de imóveis lançados na Baixada Santista e no interior de São Paulo apresentou queda na comparação dos dados de 2022 com o ano anterior. De acordo com levantamento do SECOVI-SP, em parceria com a Brain Inteligência Estratégica, foram 15.221 unidades a menos no período. Dessa forma, a região passou de 68.541 unidades lançadas em 2021 para 53.320 inauguradas até o final do ano passado. 

Em regiões como Jundiaí, a redução foi mais acentuada, de 3.568 unidades lançadas em 2021 para 1.296 em 2022, o que representou uma diminuição de 63,7%. Já na Baixada Santista, a queda foi de 43,6% e, em Sorocaba, chegou a 40,8%. Apenas três regiões registraram alta durante o período analisado: São José do Rio Preto (14,2%), o Grande ABC (17,3%) e a região metropolitana de São Paulo (6,5%). 

Fonte: Brain Inteligência Estratégia/ Secovi-SP

Vendas de imóveis

O número de unidades vendidas durante o período também registrou queda no interior paulista e na Baixada Santista. Segundo o levantamento, em 2021, foram vendidos 68.136 imóveis. Em 2022, o número caiu para 54.341, o que representou uma redução de 20%. O Vale do Paraíba (-38,4%) e a região de Campinas (-34,9%) lideram o ranking. 

Fonte: Brain Inteligência Estratégia/ Secovi-SP

Ticket médio 

Entre as regiões avaliadas, o Grande ABC apresentou o m² mais caro. No quarto trimestre de 2022, o preço do m² na região era de R$ 6.327. Já o preço médio pago por um imóvel durante o mesmo período foi R$ 295.223. Na sequência, aparecem na lista Jundiaí (R$ 5.441) e a região metropolitana de São Paulo (R$ 5.023). 

Publicidade

Fonte: Brain Inteligência Estratégia/ Secovi-SP

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Notícias relacionadas

Imagem destacada

Convivência se modifica com leis de condomínio atualizadas no pós pandemia

5 minutos de leitura
Imagem destacada

O que é Dimob e sua importância para os corretores

3 minutos de leitura
Imagem destacada

Conta de luz alta? Veja se vale a pena instalar energia solar em casa

2 minutos de leitura
Imagem destacada

Microapartamento de 10 m² que viralizou já tem propostas de compra, diz corretor

5 minutos de leitura