Voltar
IMÓVEIS

Buscando sugestões para:


Página inicial / Arquitetura Sustentável / 6 tipos de coberturas de varanda mais baratas e ecológicas

6 tipos de coberturas de varanda mais baratas e ecológicas

Cobrir a sacada dá um toque de sofisticação ao imóvel, mas isso não significa que essa reforma deve ser cara. Ao contrário: é possível contar com opções econômicas


Da Redação

Há 6 dias - 2 minutos de leitura


De fácil instalação, o tipo de material não depende de mão de obra especializada, o que torna o custo-benefício ainda melhor/ Foto: Getty Images

Seja por motivo de segurança, proteção contra os raios solares e chuva ou pelo simples interesse em tornar a varanda um ambiente mais aconchegante e sofisticado, é possível encontrar no mercado de construção várias soluções de cobertura de sacada.

Assine nossa newsletter e receba por e-mail as principais notícias e dicas.
Fique tranquilo, não enviamos SPAM.
Quero me cadastrar para receber informações relevantes por e-mail. Fique tranquilo, não fazemos SPAM.

Por isso, o Estadão Imóveis separou uma seleção das opções de cobertura de varanda mais baratas e ecológicas. Confira!

Cobertura natural

A cobertura natural consiste em utilizar plantas para o teto da varanda. A estrutura, geralmente, é desenvolvida a partir de madeira tratada, mas há também alternativas como ferro, alvenaria e armação metálica que possa substituir a madeira.

O interessante é criar um manto natural na forma de pergolado, pois é um modelo que se adequa facilmente à proposta de utilizar plantas para cobri-lo. Quanto às plantas utilizadas, normalmente são as chamadas trepadeiras, as mais comuns delas são: Alamanda Amarela, Primavera, Jasmim-de-Madagascar, Flor-de-Cera e Jasmim-dos-Açores. A estrutura de madeira custa em média R$ 1.200. Já os valores das plantas são bem variados.

Tetra Pak

Tetra Pak é um tipo de telha ecológica criada a partir do reaproveitamento das caixas tetra pak. Se comparado ao telhado comum, elas são leves e mais resistentes. Além deste benefício, o modelo ainda tem a capacidade de reduzir em até 60% a temperatura do ambiente, sendo uma opção excelente para cobrir uma varanda.

Quanto ao custo, o tipo com o tamanho de 2,15 x 0,95 centímetros e 6 milímetros tem preço médio de R$ 60.

Cobertura com bambu

A cobertura com bambu, além de proteger a varanda, ainda traz um charme à parte, principalmente para quem gosta de apostar em um ambiente mais rústico. Este

material proporciona leveza e beleza ao local e ainda garante que o ar circule. A estrutura pode ser realizada com madeira – eucalipto é uma boa proposta e ainda deixa o ambiente mais despojado. No mercado há uma diversidade de modelos e valores, mas partem de R$ 400 um forro com 4,5 metros. Já o pergolado de madeira custo em média R$ 1.200.

Cobertura com sapé

Na mesma ideia que a de bambu, a cobertura com sapé também garante um ar mais rústico e natural ao ambiente, além de ser ecológico, é claro. O forro é ideal para áreas secas e ensolaradas. Esse tipo de capim é nativo dos pastos da região de Bragança e São Roque, tem durabilidade de 7 a 8 anos. O metro quadrado do produto pode custar cerca de R$ 25.

Telhas ecológicas onduladas

Telha ecológica ondulada é fabricada com material reciclado, como fibra de papel ou natural, e pode ser encontrada no mercado em vários tamanhos e cores. Além do material em si ser econômico, o estilo do telhado escolhido para construir a varanda também pode gerar menos custo. Um exemplar 200x95cm e 3mm na cor verde pode ser encontrado por aproximadamente R$ 60.

Palha

Outro tipo de cobertura de varanda mais barata e ecológica é aquela realizada com palha, que, assim como o sapé e o bambu, também promove o estilo rústico. De fácil instalação, este tipo de material não depende de mão de obra especializada, o que torna o custo-benefício ainda melhor. O mercado dispõe de diversas medidas e mais de 200 modelos. Uma esteira de 1×45 custa R$ 23.

AVALIAR ESSE ARTIGO
Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login


Notícias relacionadas