Minha Casa Minha Vida & Programas Habitacionais

MRV lança empreendimento para 15 mil moradores em Campinas via Minha Casa, Minha Vida

Cidade sustentável tem investimento de R$ 85 milhões e mais de R$ 1 bilhão de VGV

Por:Breno Damascena 19/04/2024 2 minutos de leitura
mrv-minha-casa-minha-vida
Primeira fase do projeto prevê a entrega de 2.600 apartamentos a partir de 2027/ Crédito: Divulgação/MRV

Publicidade

Um empreendimento grandioso com foco em sustentabilidade para atender cerca de 15 mil moradores e enquadrado no Minha Casa, Minha Vida (MCMV). É isso que promete a construtora MRV com o lançamento da Cidade Sete Sóis Dunlop, um bairro planejado com mais de 470 mil metros quadrados, 5 mil unidades residenciais e integrado com a natureza da cidade de Campinas, no interior de São Paulo.

A primeira fase do projeto vai durar 7 anos e prevê a entrega de mais de 2.600 unidades distribuídas em seis condomínios. Com 280 apartamentos de 40,82 m² e previsão de entrega a partir de 2027, o primeiro lançamento é o Cores do Poente, que já está disponível para compra. “Temos mais um lançamento previsto para este ano, que ocorrerá a partir dos resultados que veremos neste”, afirma Thiago Ely, VP Comercial e Marketing da MRV.

+ MRV apresenta bairro inteligente em maior projeto da história da construtora

Com um investimento de mais de R$ 85 milhões em infraestrutura urbana e um Valor Geral de Vendas (VGV) previsto de R$ 1 bilhão, o projeto é o maior empreendimento da construtora no município paulista, onde atua há 26 anos. “Já entregamos mais de 13 mil chaves na região e estamos atuando para desenvolver ainda mais a cidade. Um em cada 30 moradores de Campinas vive em um prédio da MRV”, observa Thiago.

Publicidade

De acordo com a companhia, o Cidade Sete Sóis Dunlop tem potencial para gerar 5.380 empregos diretos e indiretos/ Crédito: Divulgação/MRV

O Cidade Sete Sóis Dunlop é o terceiro bairro inteligente e sustentável desenvolvido pela construtora. Salvador e São Paulo já receberam empreendimentos semelhantes. Em comum, sete pilares que fundamentam todos os projetos, incluindo a preocupação com sustentabilidade e com comodidades compartilhadas, segurança, mobilidade, acessibilidade, tecnologia e desenvolvimento urbano.

Compromisso ambiental

Apresentando-se como um empreendimento sustentável, o bairro terá um parque urbano aberto para o público com mais de 16,5 mil m², além da construtora assumir o compromisso de plantar 4.800 árvores nativas. Iniciativas como coleta seletiva de lixo, gestão avançada de resíduos e ações voltadas à educação ambiental dos moradores e da comunidade local também fazem parte do escopo de promessas da MRV.

A proposta do bairro inteligente é que ele se encaixe na rotina da cidade. Por isso, o terreno contará com áreas compartilhadas de lazer, como praças, quadras esportivas e parques lineares, além de estabelecimentos comerciais e serviços. “Desenhamos o Cidade Sete Sóis para que todos os moradores estejam a 15 ou 20 minutos de todas as áreas comerciais que ele precisar”, defende Thiago.

A mobilidade, aliás, é um dos chamariz do empreendimento. Localizado nos arredores da avenida John Boyd Dunlop e da rodovia dos Bandeirantes, o terreno vai possuir 49,2 mil m² de malha viária e mais de 1.034 m² de ciclovias e bicicletários ainda na fase inicial. A instalação de 10 pontos de ônibus dentro do complexo, iluminação de LED nas vias públicas e monitoramento por câmeras 24 horas por dia também fazem parte do projeto.

Publicidade

+ Prefeitura anuncia transformar 11% de SP em área verde municipal e prevê indenizações

“É o primeiro bairro planejado de Campinas e a cidade representa um grande polo para o grupo MRV, simbolizando um de nossos maiores focos de atuação”, garante Thiago. “Queremos entregar para todos os moradores uma solução de moradia digna, bem distribuída e acessível para todas as opções de Ticket do Minha Casa, Minha Vida”, pontua.

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Notícias relacionadas

Imagem destacada

Quais são os principais desafios da cadeia de construção no Brasil?

4 minutos de leitura
Imagem destacada

Conheça Arinda Sobral, 1ª arquiteta formada do Brasil, e qual é sua obra que resiste no Rio

3 minutos de leitura
Imagem destacada

4 dicas para investir em imóveis em Campinas

3 minutos de leitura
Imagem destacada

Dia das crianças: como decorar sua casa para os pequenos

4 minutos de leitura