Aluguel

São Paulo tem o aluguel comercial mais caro do Brasil em setembro

Preço médio de locação na cidade teve alta de 0,37%, o mesmo registrado nacionalmente

Por:Breno Damascena 27/10/2022 1 minuto de leitura
itaim-bibi-aluguel-comercial
Itaim Bibi tem o metro quadrado para locação mais caro de São Paulo. No País, Leblon e Ipanema são ainda mais valorizados/ Crédito: Getty Images

Publicidade

Quem deseja alugar uma sala ou conjunto comercial no Itaim Bibi gasta cerca de R$ 71,89 para cada metro quadrado. O distrito registrou aumento de 6,0% no valor do aluguel comercial em setembro e ajudou a consolidar a cidade de São Paulo como dona dos imóveis comerciais mais caros para alugar no Brasil, em média. O preço médio de locação na capital paulista é de R$ 47,22 por m², uma valorização de 0,37% em relação ao último mês. 

As maiores altas apontadas pelo Índice FipeZAP+, responsável pelo levantamento, porém, foram em Salvador (+1,99%), Campinas (+0,66%), Porto Alegre (+0,63%) e Florianópolis (+0,49%). “A locação comercial está diretamente ligada ao setor de comércio, serviços e varejo. Com o fim do distanciamento social, esse setor vem crescendo muito”, defende Pedro Tenório, economista do DataZAP+. 

Apesar de não se refletir no preço de compra e venda, a valorização do aluguel desses imóveis chegou a 0,37% em média em setembro e acumulou uma alta de 4,64% nos últimos 12 meses. Além disso, em setembro, o retorno médio do aluguel comercial foi de 5,74% ao ano e a rentabilidade projetada para o ano é de 5,07%. 

O levantamento analisou os preços de imóveis comerciais de até 200 m², incluindo salões, salas e lojas comerciais em 10 cidades brasileiras – lajes corporativas não foram consideradas. Em São Paulo, depois do Itaim Bibi, aparece Vila Olímpia (R$ 66,56) e Jardins (R$ 63,01) como bairros com o metro quadrado mais caro da cidade. Pinheiros (R$ 62,89) e Bela Vista (R$ 59,45) completam o top 5.

Publicidade

Apesar disso, o metro quadrado comercial para locação mais caro do País não fica na capital paulista. Leblon (R$ 150,00) e Ipanema (R$ 81,25), com valores astronômicos, ocupam as primeiras posições.

NEWSLETTER
IMÓVEIS

Inscreva-se e receba notícias atualizadas do mercado de imóveis

Confira nossas

WEBSTORIES

Notícias relacionadas

Imagem destacada

Dicas que podem ajudar a aumentar as reservas dos imóveis de temporada

5 minutos de leitura
Imagem destacada

Freguesia do Ó: tranquilidade e clima de interior

2 minutos de leitura
Imagem destacada

Morar no McDonald’s? Entenda como funciona uma ação de despejo

3 minutos de leitura
Imagem destacada

Condomínios incentivam ações solidárias para ajudar os mais afetados pela pandemia

3 minutos de leitura