Quando se trata de decoração, até as peças mais improváveis podem ajudar a compor um ambiente, não só a partir da dinâmica estética e da utilidade dos objetos. Às vezes, a relação afetiva ou o contato com a natureza colocam a casa ou o comércio no clima certo para a sua personalidade. Foi assim que John Derian, designer e varejista de artigos para o lar, transformou um imóvel construído por um marinheiro em 1789 numa graciosa casa de praia que atende ele, seus hóspedes e seus clientes.

Leia mais:
Quer economizar na pintura? Conheça alguns truques!
Dando vida à sala de visitas
Como incorporar a visão de um influenciador do Instagram na decoração?

Além de portas duplas que entram e saem do mesmo cômodo posicionadas lado a lado, a decoração tem elementos arriscados, como um ninho vazio de vespas, um par de sapatos de cimento e uma arara para secagem de flores do XIX acomodando camisas e jaquetas. John recomenda ainda sofás na cozinha e arranjos florais que cheguem até o teto. Entre perucas, quadros, cinco lareiras e cinco quartos de hóspedes, John fica feliz em mostrar a casa que também conta com um jardim lateral e uma pequena horta. No andar térreo, abaixo de seu próprio quarto, John acomoda sua loja de utilidades excêntricas para quem deseja decorar.

Assine nossa newsletter e receba por e-mail as principais notícias e dicas.
Fique tranquilo, não enviamos SPAM.
Quero me cadastrar para receber informações relevantes por e-mail. Fique tranquilo, não fazemos SPAM.

Filho de mãe escocesa e pai armênio, Derian projeta e cria objetos muito cobiçados em seu estúdio em Nova York desde 1989. Em entrevista para a T-Magazine, o artista informa que se sente particularmente atraído por imagens de coelhos, insetos e olhos humanos. Começando com uma loja em East Village, ele agora tem quatro no centro de Manhattan, vendendo decoupage, móveis e tecidos, além de objetos de arte originais e antigos. Uma quinta loja funciona no térreo de sua casa em Provincetown durante o verão. Seu “John Derian Picture Book”, de 2016, apresenta reproduções de muitas das impressionantes imagens originais que ele usou em seu trabalho ao longo dos anos e serve como uma pesquisa generosa sobre sua maneira de ver o mundo.